Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

O LEÃO E O BURRO

O velho e temido leão, Com uma fome danada, foi procurar o burrinho para uma bela caçada. E encontrando o animal, Que não era muito esperto, Combinou que ele seria De uma ramagem coberto. Tudo pronto, à caça foram. E o burrinho camuflado Tinha que urrar diferente Do que estava acostumado. O burro treinou bastante, Foi treinando mais e mais. Com seus urros bem estranhos Espantou os animais. As bestas apavoradas Saíram em disparada. E o leão se aproveitou Pra fazer sua caçada. Tendo feito várias presas, Exausto, foi descansar,. Então pediu ao asninho Que parasse de urrar. Aquele, já todo prosa, Perguntou para o leão: “E que tal a minha voz?... (leia mais)

GERALDO DE CASTRO PEREIRA




Vida vazia, vida marota!

Dr. Agildo caminhou vagarosamente até a enorme varanda. Saboreava os momentos do entardecer, um a um, como rotina para receber a noite implacável e então, recolher-se para o descanso. Desta vez, contudo, sentia-se diferente. Seus pensamentos esvoaçavam de um canto para outro da memória, contrariando seus comandos, inquietando seu espírito. Sentou-se na velha cadeira, admirando o extenso jardim. Os canteiros, emoldurando as divisas com suas cores imprevisíveis, tentavam suavizar seus sobressaltos. O ipê majestoso, que ele próprio plantara há tantos incontáveis anos, mantinha-se incólume a seus pensamentos. Parou seus olhos no aparente desordenado trabalho da velha árvore, largando o amarelo de pétalas a se desprenderem a cada instante, formando verdadeira alcativa.... (leia mais)

Airo Zamoner




Default



   > Oba Eni Oriate Ogbe Yono

  AUTOR  
 
Oba Eni Oriate Ogbe Yono
Sou sacerdote de umbanda, Pai de Santo,, sou coordenador do Superior Órgão Internacional dos Cultos Afros, Sou conselheiro do movimento chega, e recebi no dia 30 de Abril um certificado de Honra ao Mérito pela Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo, através do Deputado Carlos Gianazi  pelo trabalho que realizo em favor da Umbanda. Nasci a 30 Km do quilombo Brejo dos Crioulos, lugar onde existe grandes rezadeiras e catimbozeiras MG, passei uma boa parte da minha infância neste lugar, aprendendo as orações, sou filho de Santo de Eliza de Oxalá, hoje sou filho de santo de Marcelo de Oxalufã, Ketu, Cantoá do Ketu de Valdomiro Baiano. Homem prudente e amigo.