Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto
  Gêneros dos textos  
  Artigos (641)  
  Contos (940)  
  Crônicas (724)  
  Ensaios (169)  
  Entrevistas (35)  
  Infantil (207)  
  Pensamentos (651)  
  Poesias (2526)  
  Resenhas (129)  

 
 
A dor de Deus Pai
Miguel da Silva
R$ 33,30
(A Vista)
INDISPONÍVEL

Objetos-03-133
Airo Zamoner
R$ 104,00
(A Vista)






   > SONETO PÓSTUMO



Jose Airton Memoria da Silva
      POESIAS

SONETO PÓSTUMO


O  destino  me  mostra  de  repente

Que a vida já não tem o mesmo encanto
Nesta  dor  a  dilacerar   a   gente
Em que o sorriso deu lugar ao pranto

Só quem perdeu sabe o que a alma sente 
Ao sucumbir em algo que dói tanto
Ante a saudade que se fez ardente
Numa queda que não sei se levanto

Ó meu Deus! Como pôde ser capaz?
De tão cedo levá-lo ao  Céu  num ai
Se  sabes  a  falta  que  ele  me  faz

Na  minha   triste   lágrima  que  cai
Em  face da dura  campa  onde  jaz 
A quem com orgulho chamei de pai

                             
                              (Airton Memória)


CADASTRE-SE GRATUITAMENTE
Você poderá votar e deixar sua opinião sobre este texto. Para isso, basta informar seu apelido e sua senha na parte superior esquerda da página. Se você ainda não estiver cadastrado, cadastre-se gratuitamente clicando aqui