Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

Sexo e Dança de Salão

Quando “fui iniciada” nas artes da dança de salão, no início da década de 1990, percebi algo nebuloso e fortemente relacionado a sexo na atividade. Desde então venho observando, analisando, pesquisando e estudando a natureza desta relação. Precisei de anos para chegar ao ponto de entendê-la. Por ocasião do meu primeiro contato com a dança de salão, percebi que esta atividade exercia uma influência avassaladora sobre o comportamento sexual das pessoas de qualquer faixa etária. Inicialmente, imaginei que isto se devia ao fato de que a dança de salão é dependente da relação de masculinidade e feminilidade. Esta relação se dá por... (leia mais)

Maristela Zamoner




O LEÃO E O BURRO

O velho e temido leão, Com uma fome danada, foi procurar o burrinho para uma bela caçada. E encontrando o animal, Que não era muito esperto, Combinou que ele seria De uma ramagem coberto. Tudo pronto, à caça foram. E o burrinho camuflado Tinha que urrar diferente Do que estava acostumado. O burro treinou bastante, Foi treinando mais e mais. Com seus urros bem estranhos Espantou os animais. As bestas apavoradas Saíram em disparada. E o leão se aproveitou Pra fazer sua caçada. Tendo feito várias presas, Exausto, foi descansar,. Então pediu ao asninho Que parasse de urrar. Aquele, já todo prosa, Perguntou para o leão: “E que tal a minha voz?... (leia mais)

GERALDO DE CASTRO PEREIRA




Default



   > Guilherme Augusto Pereira de Queiroz

  AUTOR  
 
Guilherme Augusto Pereira de Queiroz

Nasci em agosto de 1951 na cidade de São Paulo. Vim morar em Curitiba no final dos anos 70, onde resido até hoje. Sou casado, tenho dois filhos e três netos. Estudei em duas faculdades: Medicina Veterinária - UFPR - e Administração de Empresas - FESP-PR. Acredito que tenho um espírito cristão e solidário, sendo minha religiosidade espiritualista. Atuei no movimento escoteiro por quase uma década. Fui professor de informática básica, tendo me especializado na educação de crianças e pessoal da terceira idade. Fui radialista, vendedor técnico de computador de grande porte, e gerente comercial e corretor de imóveis. Sou partidário convicto do bom humor e da amizade sincera. Sempre que aparece uma oportunidade, faço voluntariamente as performances de Coelho da Páscoa, Mickey, Papai Noel, etc. Agradeço os incentivos e colaboração dos amigos e familiares e, em especial, à minha irmã Noemia - autora do texto da primeira “orelha” - e à Emilia Rebonato - revisora integral do texto do livro.

 

Guilherme A. Pereira de Queiroz