Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

PRESIDENTE! O SONHO ACABOU...

Ele esfregou os olhos como criança. Piscou várias vezes. A penumbra da manhã impúbere digladiava contra a noite rebelde, envelhecida, teimosa. Ela sabia de sua derrota cotidiana, desistiu e se encolheu, aguardando escondida em conhecidos cantos inabitados. Conformada, sabia da vitória certeira contra a iluminação do dia que murcharia dentro de algumas horas. Ele voltou a esfregar os olhos remelentos, sentir o sonho recém apagado. A agenda do dia disparou assessores pelas quinas do palácio. Desde os primeiros dias de poder, não havia mais tempo para devaneios infantilóides e o sonho se dissipava no emaranhado confuso das marchas e contra-marchas, dos argumentos e contra-argumentos, das possibilidades e impossibilidades, todas ignoradas no longo, muito longo e mal feito... (leia mais)

Airo Zamoner




Aos dez anos

O irmão chegou com uma novidade: se ela colocasse um fio de cabelo dentro de um vidro cheio d’água e tampasse bem tampado, ele se transformaria em uma cobra. - Mas tem que ser com a raiz, disse. Porque ela é que vai ser a cabeça da cobra. E tem mais – não pode ficar dentro de casa. Tem que ficar no chão, perto da terra. Arrancou o fio de cabelo mais comprido que encontrou, com raiz e tudo. Colocou num vidro, tampou bem tampado, colocou no chão embaixo de uma mangueira e ficou esperando. - Já tem três dias e não tô vendo nada mudar... - Calma, né? - Quem disse pra você que cabelo vira cobra? - O Betinho. Ele disse que a vó dele disse que um irmão dela fez isso e virou cobra. - Ah!... Outros tantos dias,... (leia mais)

Isis Berlinck Renault




Default



   > Ednoel Ribeiro de Amorim

  AUTOR  
 
Ednoel Ribeiro de Amorim

Natural da cidade de Piracuruca - Piauí, Licenciado em Filosofia pela faculdade Evangélica do Meio Norte - Instituto Educacional Brasileiro e baicharelando em Teologia pelo Instituto de Filosofia e Teologia da Arquidiocese de Vitória. Ednoel Ribeiro de Amorim, foi seminarista diocesano da Diocese de Parnaíba, onde desempenhou vasto trabalho pastoral junto as paróquias desta referida diocese no período de 2002 a 2010. É palestrante no que toca ao ramo teologico-catequético e atualmente é formando no Instituto Milícia de Cristo, fundado por Monsenhor Alonso Benício Leite, Cearense, que desempenhou seu trabalho ministerial na cidade de Baixo Guandú, no Espírito Santo.

A sede do Instituto Milícia de Cristo, está situada na cidade de Vitória - ES, onde é atual residência do autor. Ele neste contexto se dedica a pastoral, voltada preferencialmente para os pobres, tendo como atividade principal o cuidado de idosos no Centro de Acolhida Monsenhor Alonso, além de atividades complementares na criação e manutenção de sites institucionais, voltados para a evangelização e promoção interna do referido instituto.