Busca: 

Apelido:

Senha:


Esqueci minha senha
 
  Área do autor

Publique seu texto

Sexo e Dança de Salão

Quando “fui iniciada” nas artes da dança de salão, no início da década de 1990, percebi algo nebuloso e fortemente relacionado a sexo na atividade. Desde então venho observando, analisando, pesquisando e estudando a natureza desta relação. Precisei de anos para chegar ao ponto de entendê-la. Por ocasião do meu primeiro contato com a dança de salão, percebi que esta atividade exercia uma influência avassaladora sobre o comportamento sexual das pessoas de qualquer faixa etária. Inicialmente, imaginei que isto se devia ao fato de que a dança de salão é dependente da relação de masculinidade e feminilidade. Esta relação se dá por... (leia mais)

Maristela Zamoner




COLEÇÃO ARQUIVOS - TESOUROS ETERNOS DA LITERATURA IBERO-AMERICANA

Livros à mancheia têm-me chegado nestes últimos meses, levando-me a um profundo mergulho no tempo. A uma reflexão intensa sobre o quanto desconhecemo-nos, ainda que parte imensa nesta América, latina e de proporções gigantescas no tocante a problemas, sim, mas também no tocante à riqueza cultural. Muitas das edições que tenho recebido não são atuais, porém preciosas ao nosso processo de busca e de integração, no qual o fator cultural faz-se imprescindível. Sem conhecermos o passado, lutamos por uma identidade inexistente, segundo alguns autores especializados no estudo e na pesquisa do fenômeno cultural ibero-americano. E as novidades, às vezes antigas, nos impedem este retorno urgente à nossa formação, à nossa certeza de que somos dignos de respeito pela... (leia mais)

Tânia Gabrielli-Pohlmann




Default



   > Mary Santana

  AUTOR  
 
Mary Santana
Mary Santana, formada em pedagogia pela UFPR em 2002, concluiu sua pós-graduação em Danças de Salão Teoria e Técnicas em 2007 pela Faculdade Metropolitana de Curitiba - Famec. Trabalha com o ensino Fundamental desde 1997 e com a educação Infantil desde 1991. Sempre esteve envolvida em eventos culturais e projetos educacionais para educação infantil e ensino fundamental nas instituições de ensino público. Trabalhou como assistente de professora, lecionando língua estrangeira (italiano) para crianças do ensino fundamental, dando ênfase à música e à dança folclórica. Iniciou sua trajetória com a dança aos dezessete anos com o jazz, e em danças de salão, em 2003, no Centro de Dança Jaime Aroxa, hoje Escola de Danças Oito Tempos.
Atualmente, trabalha como professora de dança para crianças do ensino fundamental educação infantil.